Como engajar todas as pastorais na produção de conteúdo

Como engajar todas as pastorais na produção de conteúdo

Como engajar todas as pastorais na produção de conteúdo

Ter uma equipe qualificada e que produza conteúdo digital evangelizador, deve ser, com toda certeza, uma prioridade na sua comunidade paroquial. Confira as dicas que preparamos para você. 

Para a Pastoral da Comunicação um dos grandes desafios é a produção de conteúdo. Muitas vezes, o site, a página no Facebook, o perfil no Instagram, o canal no Youtube ficam desatualizados por dias, semanas ou meses. 

O que é necessário entender é que uma paróquia precisa investir na formação e treinamento dos seus agentes pastorais. Só assim ela vai ter uma estrutura organizada para a produção de conteúdo. 

Pensando nisso, preparamos este blog post com algumas dicas valiosas para você, coordenador da PASCOM. 

Defina uma pauta baseada nas necessidades pastorais

Uma ação importante que o coordenador da Pastoral da Comunicação precisa aprender é a fazer um bom diagnóstico pastoral. Claro que ele não irá produzir isso sozinho, vai precisar da colaboração do Conselho de Pastoral Paroquial. Para isso, é importante que você procure os membros do CPP e pergunte quais são as necessidades pastorais da comunidade. 

De forma bem prática, pergunte quais os pontos fortes e fracos, ameaças e oportunidades que a vivência pastoral tem. Anote tudo em formato de tópicos. Se desejar saber mais sobre a criação de um diagnóstico pastoral, sugiro baixar o nosso Ebook: Planejamento Estratégico na Evangelização

Com o diagnóstico nas mãos, vai ficar fácil definir uma boa pauta baseada na “dor” das pastorais. Para a criação da pauta, recomendo você usar o modelo de planilha que criamos aqui na Dominus, clique aqui para baixar

Com a pauta criada, chegou a hora de você mostrar seu valor aos coordenadores das demais pastorais. Sugiro você conversar com o pároco e agendar uma apresentação para todos os coordenadores pastorais. 

Neste mesmo momento você irá apresentar a pauta que desenvolveu e quais os objetivos dos conteúdos planejadas. 

O tema central para esta formação será: Como aumentar a participação dos fiéis usando o marketing de conteúdo. Como material de apoio, clique aqui e saiba mais sobre o assunto. 

Faça uma pesquisa junto ao coordenador de cada pastoral

No mesmo dia da apresentação você pode já verificar com os coordenadores algumas pessoas com habilidade para escrever. Geralmente nas nossas pastorais é comum ter pessoas que gostem de escrever.  

Faça uma planilha com colunas onde você vai colocar os seguintes campos: Nome, telefone, Email, tipo de assunto que pode escrever ou gravar vídeos, qual pastoral participa e, se possível, um resumo do currículo da pessoa. 

Este último pode ser interessante colocar na assinatura ao final do conteúdo. Alguns temas, escritos por especialistas, dão maior credibilidade ao conteúdo.

Uma coisa importante  ao coletar esses nomes, é pedir ao coordenador que já avise as pessoas que você irá entrar em contato com elas. Isso facilita muito a aceitação da pessoa para aceitar o convite. 

Prepare os novos redatores pastorais

Agora com os nomes dos redatores e com o convite aceito por parte deles, chegou a hora de você ajudá-los a escrever de forma mais atraente. 

A internet mudou muito a estrutura dos conteúdos e por isso, é preciso explicar para eles algumas estruturas necessárias que todo conteúdo para web precisa ter. 

É fundamental que você traga para eles conteúdos que fortaleçam o aprendizado deles. Deixo aqui, uma sugestão de um curso gratuito e de referência no mercado secular. Clique aqui para acessar

Quero deixar mais duas dicas importantes relacionadas a produção dos conteúdos: A primeira é que você deve fazer um briefing do que planejou para cada blog post, vídeo, e-book, etc.  Abaixo apresento o modelo que usamos aqui na agência. 

Cliente: [nome da pastoral]

Tema:  [título previamente definido por você na pauta] 

palavra-chave: [caso não saiba o que é, recomendo clicar aqui, e ler o conteúdo]. 

Briefing:  [faça um breve resumo do que você espera do conteúdo, objetivos que se deseja com esse material]

Redator: [quem escreveu o texto]

Meta description: [para entender do que se trata, clique aqui

Backlink: [para entender do que se trata, clique aqui

LinkBuilding: [para entender do que se trata, clique aqui

CTA: [veja exemplos práticos clicando aqui]

A segunda coisa importante, é deixar claro para todos os redatores que cada texto será revisado, assim, eles não precisam se preocupar. Todos os cuidados devem ser tomados relacionados à gramática e a estética do texto, ou seja, é preciso verificar se o texto tem fluidez para a leitura. 

Lembre-se sempre de enviar o texto com as revisões visíveis aos redatores, assim eles podem verificar os erros e também as sugestões de melhorias. Isso vai ajudá-los a crescerem na qualidade dos conteúdos ao longo do tempo.

Cuidados importantes na publicação dos conteúdos pastorais

À medida que os redatores forem entregando os conteúdos produzidos e que esses textos sejam revisados, você irá organizar a publicação dos mesmos. 

Uma dica interessante relacionada ao calendário de publicação é você ter uma meta de conteúdo a ser publicado para cada semana. 

Aqui na Dominus, quando fechamos um contrato para clientes que estão iniciando seus trabalhos de marketing de conteúdo, procuramos sugerir pelo menos um conteúdo por semana. 

Ainda sobre a publicação, é bem importante alguns cuidados na hora de postar. Abaixo vou listar alguns deles. 

Cuidado com a estética: Procure sempre, ao postar um texto no blog ou no site da paróquia, colocar uma boa imagem de destaque para o conteúdo, de preferência siga uma identidade visual. 

Se você não souber fazer artes elaboradas, uma dica bacana é pegar fotos de bancos de imagens que façam referência ao tema do conteúdo. Veja o exemplo do blog da Dominus:

Além da imagem de destaque, tome cuidado com a diagramação do conteúdo, isso faz toda diferença na hora da leitura. 

O uso de espaçamentos, destaque nos títulos, palavras-chaves do textos colocadas em negrito, uso de imagens no corpo do texto, são algumas dicas legais e que você pode usar. 

SEO do conteúdo: Este assunto é um pouco mais avançado e pode ser que você não tenha familiaridade. Quero convidá-lo a ler um conteúdo que irá ajudar você de forma prática neste tema. Clique aqui

Faça uma ampla divulgação dos conteúdos escritos

Divulgação nas redes sociais: Muitas vezes ouço as pessoas dizerem: “Publicamos nossos conteúdos no site, mas ninguém lê!”. Acho que essas pessoas esperam que, com um passe de mágica, alguém vai despertar o seu interesse sobre o conteúdo.  

Para ajudar no processo de divulgação dos conteúdos publicados, você precisa fazer uma ampla promoção nas redes sociais.  Use o Facebook, o Instagram e o Whatsapp para promover esses materiais. 

Uma dica bacana é você inserir o linktree, na bio do Instagram (local onde encontra-se todas as informações do seu perfil). É muito fácil de fazer e é possível colocar vários conteúdos lá. 

Além de publicá-los frequentemente na timeline e na bio, você ainda pode produzir alguns vídeos falando do conteúdo e colocando no storie. Isso ajuda muito a promover!

Faça anúncios patrocinados: Se você tem conhecimentos e já sabe como anunciar no Facebook e Instagram, esta dica é super valiosa. Procure promover conteúdos, principalmente aqueles que visam a evangelização de novas pessoas. Existem várias formas desse material chegar nas pessoas certas usando este tipo de estratégia.

Envio de email marketing ou newsletter: Outra super dica é enviar email marketing ou newsletter. Convido você a ler o blog post dicas para usar e-mail marketing na evangelização. Você vai encontrar exemplos práticos e que vão servir de inspiração . 

Compartilhe por whatsapp: Sabemos que este canal de comunicação é cada vez mais usado em nossas comunidades, por isso, sugiro você compartilhar nos grupos das pastorais e da paróquia. 

Uma boa dica, é escrever um texto curto com o resumo do conteúdo, colocar o link do blog post e um card. Pode ser o mesmo que você usa no Instagram ou no Facebook. 

Só tome cuidado para não mandar muitos de maneira seguida. Faça um planejamento de envio! Vale lembrar que isso também motiva os demais agentes pastorais a enviarem aos seus contatos. 

Conclusão

Finalizo este conteúdo dizendo que não será fácil essa jornada, mas que você, coordenador da Pastoral da Comunicação, não pode desistir. Seja resiliente e demonstre o valor da PASCOM e o seu valor como líder evangelizador. 

Espero que tenha gostado, e que me ajude a divulgar este conteúdo compartilhando nas suas redes sociais. 

Jean Ricardo

Empreendedor na evangelização, apaixonado por planejamento e marketing digital. É CEO da Dominus Evangelização e Marketing, comanda o time de evangelizadores. O seu coração está na evangelização!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *