Como aumentar a arrecadação do dízimo usando o marketing?

Como aumentar a arrecadação do dízimo usando o marketing?

Como aumentar a arrecadação do dízimo usando o marketing?

O Marketing surge como peça chave para identificar e satisfazer as necessidades de arrecadação do dízimo. Sendo a área responsável por pensar o processo de comunicação com um todo, pode auxiliar na definição do principal objetivo e destino do dízimo, para a partir daí determinar as ferramentas que serão usadas para aumentá-lo.
Sabemos que a evangelização é o grande cerne da missão da Igreja. O que não podemos esquecer é que isso tem um custo, sobretudo no que se refere a vida eclesial, missionária, caritativa e religiosa de cada comunidade cristã. Portanto, o dízimo surge como uma necessidade espiritual e material de todos os fiéis.

Pensando a comunicação com um todo

O Marketing é responsável por identificar, potencializar e fortalecer as principais características de um produto ou serviço. Possui um importante papel na construção de um projeto sólido, maduro e possível de comunicação que tem como objetivo a arrecadação do dízimo. Porém, muitos erros são cometidos nas paróquias por não utilizarem as estratégias certas para o trabalho com os dizimistas.

Algo que pode ajudar na compreensão da importância da estratégia no processo de arrecadação são os 4Ps do marketing – também chamados de Mix de marketing ou composto de marketing – que representam os quatro pilares básicos de qualquer estratégia de marketing: produto, preço, praça e promoção.

Quando pensamos em marketing no segmento católico:

O produto são todos os serviços ou ações evangelizadoras que oferecemos à comunidade;
O preço é o custo que uma pessoa deve pagar para ser evangelizada, que pode ser mensurado como reuniões, a contribuição do dízimo, formações, vida de oração, participação na Missa, testemunho, entre outros compromissos;
Já a praça é o local onde o produto é oferecido, no caso nossas comunidades, paróquias e centros de evangelização. Aqui é importante ressaltar que a internet se apresenta como um ambiente, ainda que virtual, de evangelização;
E, por fim, a promoção que é a definição das estratégias que serão usadas na evangelização.

A partir desse conceito é possível compreender como o marketing pode auxiliar na construção dos processos de comunicação da paróquia, porém é necessário que se crie um planejamento de marketing. A equipe de comunicação não pode se eximir da responsabilidade de construir um bom plano a partir da análise dos 4ps, assim como dos objetivos e necessidades da comunidade.

Colocando a mão na massa

Uma vez que se tem em mente o objetivo que se quer alcançar, é preciso se delimitar bem os meios para chegar até lá. O primeiro passo seria a definição de um bom briefing. O briefing reúne todas as informações e objetivos da campanha para nortear os trabalhos posteriores. Outro aspecto importante, ainda do planejamento, é a definição das personas, que são personagens fictícios, mas que reúnem características comportamentais e de consumo do público alvo, pensados pela equipe de marketing, como alvo dos seus trabalhos e conteúdos.

A partir daí, é chegada a hora de criar a campanha publicitária com seu slogan. Na Dominus procuramos trabalhar fugindo do óbvio, entrando diretamente no perfil da paróquia, com suas características devocionais e culturais. Dentro disso, a equipe passa para o desenvolvimento de peças gráficas, tanto off quanto online, que atinjam as personas e estimulem o comprometimento com o Reino de Deus.

O marketing no relacionamento com dizimistas

O endomarketing é uma estratégia institucional bastante usada pelas empresas com o público interno. No que se refere ao processo de construção de estratégias para o dízimo, pode ser uma ferramenta eficaz que trabalhe primeiro com os agentes de pastorais, para depois atingir os demais públicos. Isso porque quando os membros de pastoral são conscientes de sua missão na dinâmica financeira da comunidade, são capazes de convencer os demais.

Além disso, o planejamento de marketing deve contemplar a preocupação das paróquias de acompanhar os dizimistas, fugindo do comum, de enviar calendário ao fim do ano, ou cartão nas datas comemorativas. Mas, algo pensando de forma personalizada e evangelizadora, que atraia, forme e fidelize os dizimistas.

Vale ressaltar que nem toda equipe de Pascom está habilitada com profissionais adequados para uma tarefa tão importante, por isso o pároco e seus conselhos também podem considerar a importância de contratar profissionais que desenvolvam as campanhas publicitárias e/ou de assessoria do dízimo, diretamente. Para isso, temos agências católicas que assim como a Dominus tem como objetivo a evangelização. É o caso das agências Arcanjo e Parresia.

Heraldo Lima

Jornalista de formação, possui intensa e longa experiência missionária. Atualmente compõem a equipe de Redação na Dominus Evangelização e Marketing. Casado com a Anne e pai do Davi. Seu coração está na evangelização!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *